quinta-feira, 16 de julho de 2020

Adolescente morre de peste bubônica após comer carne de marmota

Um rapaz de 15 anos morreu de peste bubônica, no domingo, na Mongólia, divulgou ontem o ministério da saúde do país.

O jovem teria sido contaminado pela doença após ingerir carne de marmota. "O resultado de um teste de reação em cadeia da polimerase (PCR) revelou na noite de segunda-feira que a peste bubônica causou a morte do rapaz de 15 anos", afirmou o porta-voz do ministério, Dorj Narangerel.

De acordo com os meios internacionais, foi instalada uma zona de quarentena em Tugrug, que começou no domingo e vai durar até o próximo sábado. 

E por precaução, as autoridades isolaram 15 pessoas, todos saudáveis, que estiveram em contato com o adolescente. 

A notícia surge depois de, no início deste mês, duas pessoas terem testado positivo para a doença na província de Khovd. Oficiais da Rússia apelaram aos cidadãos, que residem na área fronteiriça, para não comerem carne de marmota e adotarem medidas preventivas contra as mordidas de mosquito.

De 1928 a 2018, a Mongólia registrou 692 casos de peste bubônica, sendo que 513 pessoas morreram da doença.

Febre alta, inchaço e fraqueza são alguns dos principais sintomas associados à doença.

A peste bubônica, que matou milhões de pessoas na Idade Média, tem milhares de casos notificados todos os anos e é uma doença grave e fatal, sobretudo se a bactéria se espalhar no corpo humano.

Com informações Notícias ao Minuto