quinta-feira, 29 de junho de 2017

Óleo de Avestruz: Para Que Serve, Benefícios e Dicas.

Na região abdominal do avestruz existe uma bolsa de gordura, de onde será extraído o óleo. Em média, cada avestruz fornecerá 15 kg de gordura, que serão suficientes para 6 litros de óleo, aproximadamente.
Como podemos observar, a ave não nos fornece apenas carne, pluma e couro. O óleo de avestruz é o único alimento natural com os quatro ômegas (3, 6, 7 e 9).
Os ômegas, também conhecidos por ácidos graxos, são componentes orgânicos, produzidos quando as gorduras são quebradas. Podemos considerá-los “gorduras boas”, porém, não são produzidas em nosso organismo, o que significa que temos que adicioná-las através da nossa alimentação.
– Ômega 3 (ácido linolênico)
Com funções anti-inflamatórias, redução de colesterol e triglicerídeos, está ligado ao diabetes por combater a resistência a insulina, ajuda no hipo e hipertiroidismo, osteoporose, prevenção de doenças cardíacas, câncer e problemas articulares, ativa as funções cerebrais, evita doenças autoimunes.
– Ômega 6 (ácido linolêico)
Regula o metabolismo de maneira global, colabora para a saúde da pele e cabelo, cuida da estrutura óssea e fortalece o sistema imunológico. Pode auxiliar na queima de gordura corporal.
– Ômega 7 (ácido palmitolêico)
É o acido graxo responsável pela derme. É ele que colabora com o processo de regeneração celular. Está presente em nossas secreções sebáceas naturais. À medida que envelhecemos, ele diminui. Nesse caso, é bastante interessante fazer uso de cosméticos que o contenham em sua formulação.
– Ômega 9 (ácido olêico)
Responsável pela síntese de hormônios, por esse motivo, deve estar presente na rotina de mulheres com menopausa, e também das que sofrem com o desconforto da TPM. Ajudam a reduzir as ondas de calor, ansiedade, estresse e irritabilidade decorrentes do desajuste hormonal, tão comum nessas mulheres.
EM ACOPIARA ADQUIRA O SEU COM WILSON FILHO NA RÁDIO CARINHOSA AM!!!