sábado, 29 de fevereiro de 2020

Filho do prefeito de Saboeiro e secretário sofrem acidente na CE 060 em Mombaça


Na tarde desta sexta-feira(28) por volta das 14h na cidade de Mombaça, um acidente de trânsito foi registrado na CE 060. Segundo informações duas pessoas passavam na via em um veículo L200 Triton Branca, quando perderam o controle e vindo a capotar várias vezes, no momento a região registrava muita chuva e isto foi determinante para o sinistro.

No carro estavam o filho do prefeito de Saboeiro, Uriel Alencar, ao lado do Secretário Municipal daquela cidade, Azarias Cavalcante, que era o motorista. Ambos foram socorridos por populares e logo após ambulâncias da cidade de Mombaça que conduziram ambos para o hospital da cidade.

Os dois ficaram em observação e logo após foram liberados, os mesmos sofreram apenas escoriações pelo corpo.

Com informações Iguatu.net

Petrobras reduz preços do diesel e da gasolina nas refinarias


A Petrobras cortou em 5% o preço do diesel comum e em 4% o preço da gasolina nas refinarias. Os novos valores, anunciados ontem (28) pela estatal, passaram a valer hoje (29).

Os preços do diesel S500 para térmicas e do diesel marítimo caíram 5,1%. Já o diesel S10 para térmicas teve redução de 5,2% no seu valor.

A queda foi decidida em um cenário de desvalorização do petróleo no mercado mundial. Os contratos do petróleo Brent para abril estavam cotados a US$ 50,52 no fechamento do mercado ontem. Esse valor representa uma queda de 13,64% em uma semana.

O petróleo Brent é um tipo extraído principalmente do Mar do Norte e cotado na Bolsa de Valores de Londres. Ele é a referência no cálculo do valor de cerca de dois terços do petróleo mundial.

A desvalorização é influenciada pelo avanço dos casos de coronavírus pelo mundo, o que gera no mercado o receio de uma eventual desaceleração da economia mundial e, consequentemente, de uma menor demanda por combustíveis.

Por meio de suas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro destacou hoje a decisão da estatal brasileira. "Este ano, a Petrobras reduziu quatro vezes o valor dos combustíveis nas refinarias e este é o quinto anúncio. Seguimos fazendo nossa parte e trabalhando para melhorar a vida dos brasileiros", disse ele.

Preços nos postos

Apesar dos novos valores praticados nas refinarias, não há impacto imediato no preço final pago pelo consumidor nos postos de combustíveis. A variação, nesse caso, depende ainda de outros fatos como o consumo dos estoques armazenados, impostos, margens de revenda e percentual da mistura dos biocombustíveis.

Em virtude do feriado de carnaval, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) irá divulgar o novo Levantamento de Preços e de Margens de Comercialização de Combustíveis somente na próxima terça-feira (3).

Serão apresentados os resultados do período entre 23 e 29 de fevereiro, o que ainda não deverá mostrar reflexos da decisão da Petrobras.

Com informações Agência Brasil

Álcool gel é eficaz na prevenção ao coronavírus, afirma conselho

O uso de álcool gel para higiene das mãos como prevenção ao coronavírus é eficaz. Em nota, o Conselho Federal de Química (CFQ) criticou a disseminação de fake news por meio de um vídeo, com informações equivocadas e incorretas a respeito do emprego do álcool gel, divulgado por um “químico autodidata”.

Assinada pelo presidente da entidade, José de Ribamar Oliveira Filho, a nota do conselho esclarece que o álcool etílico (etanol) é um eficiente desinfetante de superfícies/objetos e antisséptico de pele. “Para este propósito, o grau alcoólico recomendado é 70%, condição que propicia a desnaturação de proteínas e de estruturas lipídicas da membrana celular, e a consequente destruição do microrganismo.”

Segundo a entidade, o etanol age rapidamente sobre bactérias vegetativas (inclusive microbactérias), vírus e fungos, sendo a higienização equivalente e até superior à lavagem de mãos com sabão comum ou alguns tipos de antissépticos.

O conselho lembra que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) tornou obrigatória a disponibilização de preparação alcoólica (ou sua versão em gel) para fricção antisséptica das mãos pelos serviços de saúde do país.

A entidade lembra que a Organização Mundial de Saúde (OMS) emitiu uma orientação sobre a eficácia da utilização de álcool gel como medida preventiva e mitigatória ao Covid-19, tanto nos setores da saúde quanto para a comunidade em geral.

“Tão importante quanto proteger a população no que diz respeito ao contágio do novo vírus é evitar o alarmismo e a viralização de conteúdos sem a devida verificação”, afirmou o presidente do CFQ, apelando para que a sociedade busque informações válidas e de fontes confiáveis, em especial as emitidas pelas autoridades de Saúde.

Denúncia ao Ministério Público

O CFQ afirmou ainda que não reconhece como válida a denominação de “químico autodidata” ou a de pessoas que atuem nas atividades da química sem o devido registro profissional.

Segundo a entidade, a falta do registro configura infração tipificada no artigo 47 da Lei de Contravenções Penais (3.688/41) como exercício ilegal da profissão – sem prejuízo de enquadramento em outras normas legais.

Constatadas irregularidades no que tange à qualificação e ao registro profissional, o conselho vai oferecer denúncia junto ao Ministério Público, observando a devida proteção à população.
Medidas preventivas

O Ministério da Saúde recomenda como medidas de prevenção ao novo coronavírus:

– lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, ou usar desinfetante para as mãos à base de álcool quando a primeira opção não for possível;

– evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– evitar contato próximo com pessoas doentes;

– ficar em casa quando estiver doente;

– usar um lenço de papel para cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar, e descartá-lo no lixo após o uso;

– não compartilhar copos, talheres e objetos de uso pessoal;

– limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Outros cuidados importantes são manter ambientes bem ventilados e higienizar as mãos após tossir ou espirrar.

O ministério explica que não há nenhum medicamento, substância, vitamina, alimento específico ou vacina que possa prevenir a infecção pelo novo coronavírus.

Com informações Ceará Agora

Homem de 32 anos de SP é segundo caso de coronavírus no Brasil

A Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo notificou o Ministério da Saúde (MS) de mais um caso confirmado de coronavírus. O paciente, um homem de 32 anos, esteve na Itália e chegou ao Brasil na quinta-feira (27). Ele chegou acompanhado da mulher de Milão, na região da Lombardia. Ainda no voo usou máscara e a acompanhante não apresenta sintomas da doença.

Até o momento, o Ministério da Saúde (MS) monitora 182 casos suspeitos e dois confirmados no país. Já foram descartados 71 casos.

O paciente foi atendido no Hospital Israelita Albert Einstein na sexta-feira (28). Durante o atendimento o viajante relatou febre, tosse, dor de garganta, dor muscular e dor de cabeça. O quadro clínico foi considerado leve e estável. “A orientação foi de isolamento domiciliar, uma vez que o quadro clínico é leve e estável. O hospital adotou todas as medidas preventivas para transmissão por gotículas”, diz nota divulgada pelo ministério na noite de sábado (29).

As secretarias estadual e municipal de saúde de São Paulo e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) procuram as pessoas que possam ter tido contato com o paciente durante o voo ou em outros locais.

Coronavírus no mundo

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou até este sábado 85.403 casos em 54 países. Destes, 2% (1.753). Foram registrados 2.924 óbitos, representando uma letalidade global de 3,4%.

A China tem 93% (75.394) dos casos confirmados e 97% (2.838) do total de óbitos no mundo, representando uma letalidade de 3,6%.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) está trabalhando com especialistas para expandir o conhecimento médico sobre o novo coronavírus. Dados sobre a transmissão, recuperações e óbitos são importantes para conhecer melhor a doença e a proporção da epidemia.

A Agência Brasil preparou um guia de medidas básicas para evitar o contágio e a disseminação dos vírus que atacam o sistema respiratório, em especial o coronavírus. As informações são da OMS.
Confira:

Higienize as mãos

Lave suas mãos frequentemente com água e sabão ou com uma solução de álcool em gel.

Por quê? Esfregar as mãos ajuda a eliminar traços do vírus que podem estar presentes em lugares de uso comum.

Mantenha distância social

Mantenha pelo menos um metro de distância de pessoas que apresentam tosse ou espirros constantes.

Por quê? A tosse e o espirro propagam pequenas gotas de secreção e saliva que podem conter vírus. Com a proximidade, a chance de respirar ou ter contato essas gotículas aumenta.

Evite tocar os olhos, o nariz e a boca

Evite coçar, esfregar ou ter qualquer tipo de contato com as mucosas. Essas áreas têm contato direto com a corrente sanguínea e são mais sensíveis à presença de agentes de contaminação

Por quê? As mãos estão em contato constante com superfícies que podem ser vetores de transmissão de vírus e bactérias. Mantê-las longe das mucosas diminui a chance de ficar doente.

Pratique higiene respiratória

Tenha boas práticas de higiene respiratória. Isso significa cobrir a boca e o nariz com o braço curvado ou com um lenço de tecido ou papel ao tossir e espirrar. Descarte ou higienize o material usado imediatamente.

Por quê? Gotículas de saliva e secreção são vetores do Covid-19. Evitar que outras pessoas entrem em contato com saliva contaminada evita não apenas o coronavírus, mas uma série de doenças respiratórias.

Em caso de febre ou dificuldade respiratória, busque ajuda médica rapidamente

Não saia de casa se estiver com febre. Se os sintomas persistirem e caso haja dificuldade respiratória, busque atenção especializada imediatamente.

Por quê? Apesar de serem sintomas comuns, uma ação rápida pode evitar problemas mais sérios e o desenvolvimento de sintomas mais graves de infecções respiratórias.

Uso de máscaras

Pessoas saudáveis, sem sintomas como febre, tosse ou espirros não precisam usar máscaras

Por quê? Apenas profissionais de saúde e pessoas que apresentem sintomas parecidos com os do novo coronavírus precisam usar máscaras. A função das máscaras é conter a propagação do vírus em quem já está infectado. A OMS recomenda o uso racional das máscaras.

Fique bem informado e siga os procedimentos do Ministério da Saúde

Por quê? Autoridades nacionais e locais têm a informação mais atualizada sobre a situação de saúde na sua área. Tomar atitudes preventivamente ajuda o sistema de saúde a distribuir e compreender de maneira ágil a disseminação de qualquer doença.

Com informações Agência Brasil

82 municípios cearenses não possuem agências bancárias

A população de 82 dos 184 municípios cearenses não conta com qualquer agência bancária, segundo aponta o relatório de janeiro do Banco Central, o mais recente divulgado. Levando em conta dados populacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2019, a situação obriga mais de 1,17 milhão de pessoas a viajar até municípios vizinhos para ter atendimento presencial em uma agência.

Ao todo, o Estado possui 473 agências bancárias de 24 instituições financeiras diferentes. Desse total, cerca de 40% se concentra na Capital, onde há 189 unidades. Incluindo os municípios da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), a área concentra 51% do total, com 246 agências.

Conforme levantamento do núcleo de dados do Sistema Verdes Mares (SVM), que considera a população dos municípios de 2019 monitorada pelo IBGE, o Ceará possui cinco agências bancárias para cada 100 mil habitantes.

A relação cresce olhando apenas para Fortaleza, onde há sete agências para cada 100 mil pessoas. Já no restante do Estado, são apenas quatro unidades para cada 100 mil habitantes.

Novo saque

Para resolver ou amenizar possíveis problemas de acesso ao papel-moeda, o Banco Central (BC) estuda uma forma de permitir saques de dinheiro em comércios, retirando a exclusividade dos bancos e caixas eletrônicos. O presidente do BC, Campos Neto, admitiu que tem recebido reclamações de moradores de municípios que não possuem agências.

O projeto, ainda em desenvolvimento, funcionaria como uma "compra de dinheiro" e estaria disponível para o consumidor mediante uma taxa de serviço ainda não definida. Para os lojistas, segundo Neto, haveria redução de custo com transporte de valores, já que o dinheiro seria sacado pelo consumidor e reduziria o volume de recursos em caixa.

Para o economista Alex Araújo, a proposta pode ser uma alternativa para a população mais pobre que vive em municípios onde não há agências bancárias. Ele lembra ainda que há uma tendência de fechamento de unidades que têm prejudicado ainda mais essa parcela de habitantes que têm poucas possibilidades para fazer suas transações. Em janeiro de 2016, o Estado possuía 505 agências, o que evidencia a perda de 32 unidades em quatro anos.

Ele ressalta que, principalmente em cidades pequenas, há sempre movimento de saques ou pagamentos em espécie.

"A população, ao precisar se deslocar para outras cidades para fazer o saque de um benefício, por exemplo, faz com que a economia não circule em seu próprio município. A proposta do Banco Central traria uma ativação econômica para municípios pequenos, uma vez que o dinheiro ficaria na própria cidade do saque, independentemente de haver agência bancaria ou não", argumenta.

Araújo lembra que as lotéricas já são uma das alternativas à falta de agências por permitirem o saque de benefícios e de recursos de contas correntes da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil (BB), além de pagamento de contas.

"A movimentação nas lotéricas é cada vez maior por ser um dos pontos mais acessíveis. Tanto que elas vêm reproduzindo comportamentos antes vistos em bancos, como as filas enormes, porque houve uma redução de agências".

Digitalização

Apesar de ressaltar o benefício da expansão dos possíveis locais de saque, o economista recorda a tendência mundial de desuso do papel-moeda e da digitalização das transações bancárias, que acabam culminando em cada vez menos postos de atendimento presenciais.

De acordo com Araújo, o lançamento do PIX - sistema de pagamentos instantâneos do BC - é um dos principais sinais desse caminho rumo à digitalização bancária no Brasil. Inicialmente, serão obrigados a disponibilizar o recurso os bancos com, pelo menos, 500 mil contas ativas.

"Esse sistema de pagamentos eletrônicos vai gerar uma economia de R$ 30 bilhões anuais, montante que o brasileiro paga para utilizar transferência bancária. Vai ser um benefício muito grande, porque vai funcionar sete dias por semana, 24 horas por dia, porque até mesmo a TED (Transferência Eletrônica Disponível), que é quase instantânea, fica restrita a determinados horários", detalha o economista.

O consultor econômico Henrique Marinho também vê um lado positivo na proposta, mas apenas em um curto-médio prazo. "

As relações estão mudando muito. Mesmo as pessoas de mais baixa renda, do interior, têm acessado bancos sem ter uma agência, principalmente com o surgimento de bancos digitais. Agência é uma instituição que vai desaparecer com o tempo", afirma.

Segundo ele, em um momento inicial, a população vai usufruir dessa possibilidade, mas será um recurso que acabará caindo em desuso com os pagamentos via cartão de débito, crédito e até mesmo pelo celular.

"O volume de transações já é excessivamente maior via cartão de débito ou crédito. O dinheiro em espécie representa uma parcela bem menor", aponta.

Marinho ainda avalia que o projeto caminha exatamente na mesma linha da tendência de desaparecimento das agências. "O Banco Central busca descentralizar esses serviços, suprindo a falta de um banco, está vendo que é uma tendência mundial e está facilitando as transações", esclarece.

Operacionalidade

Apesar de o BC ainda não ter divulgado como se daria a operação dos saques no comércio, Marinho supõe que eles atuariam como correspondentes bancários, em que as próprias instituições firmariam um convênio com as lojas.

Como correspondente bancário, uma farmácia, por exemplo, teria autorização para realizar a transação no próprio caixa do estabelecimento e entregar o dinheiro. Em troca, ela poderia receber uma taxa de serviço ou juros mais baixos com o banco, dependendo do acordo firmado.

Receptividade do comércio

Para o presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do (FCDL) Ceará, Freitas Cordeiro, ainda é cedo para elogiar ou criticar o projeto. Ele admite que, no interior, a possibilidade pode ser benéfica à população. "Ao mesmo tempo, me preocupei com o fato de estarmos avançando para a extinção do papel-moeda", aponta.

Outro ponto de preocupação é a segurança. "A partir do momento em que um estabelecimento disponibiliza recursos passa a ser alvo também", afirma.

Cid Alves, presidente do Sindicato do Comércio Varejista e Lojista de Fortaleza (Sindilojas), compartilha da mesma inquietação. "É um risco sim. Tem que haver a segurança do patrimônio. Pode ter um dano enorme e quem vai ser responsável?", questiona.

Ele ainda revela que, caso a adesão seja opcional e que as próprias lojas tenham de arcar com os custos de segurança, ele próprio não irá aderir. Para além da segurança, o presidente do Sindilojas ressalta que é preciso haver algum tipo de pagamento ao comércio por prestar esse serviço.

"Precisa uma remuneração por operar, assim como os bancos. Não somos instituição de caridade".

Por outro lado, Alves reconhece que o fluxo maior de pessoas na loja pode gerar mais vendas.

Com informações Diário do Nordeste

CEARÁ: Policial militar é encontrado morto em terreno

Um policial militar foi encontrado morto em um terreno, na tarde deste sábado (29), no município de Pacatuba, na Grande Fortaleza. Um homem foi preso suspeito de participação na morte cabo da Polícia Militar do Ceará. O agente de segurança foi identificado como Heitor de Amorim Silva, de 31 anos.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) auxilia nas buscas por outros envolvidos na morte do policial. Não foram repassados detalhes sobre as circunstâncias em que aconteceu o crime.

O militar ingressou na corporação, em 26 de junho de 2009, e estava lotado na 3ª Companhia do 14º Batalhão de Polícia Militar.

O caso vai ser investigado pela 11ª Delegacia do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), unidade responsável por apurar crimes contra agentes de segurança pública do estado.

Com informações G1

CAMPEONATO CEARENSE: CEARÁ EMPATA MAIS UMA VEZ

O Ceará segue sem convencer em 2020. Pior que isso, fez o torcedor perder a paciência de vez. Na tarde deste sábado (29), o Alvinegro não passou do 0 a 0 com o Guarany de Sobral, em partida que fez o time deixar o campo sob sonoras vaias dos alvinegros que compareceram ao PV.

Isso por conta do desempenho apresentado em campo. A atuação do Vovô, mais uma vez, foi terrível, muito abaixo do esperado e sem apresentar nenhuma evolução em relação aos últimos jogos. Este foi o 8º empate do Ceará na temporada em 11 jogos disputados no ano.

Com o resultado, o Ceará chegou aos 8 pontos no Campeonato Cearense e segue na vice-liderança, mas com a possibilidade de perder uma posição neste domingo (1), caso o Fortaleza vença o Barbalha, no PV. Já o Guarany de Sobral chegou aos 10 pontos e se mantém na liderança.

O Alvinegro volta a campo na próxima terça-feira (3), para enfrentar o River-PI, às 19h30min, pela Copa do Nordeste.

Com informações Diário do Nordeste

Com motim de policiais, número de assassinatos no Ceará mais que dobra em fevereiro


O número de assassinatos no Ceará cresceu 138% quando comparados os primeiros 25 dias do mês de fevereiro de 2019 e 2020. O aumento ocorre em um contexto de paralisação de parte da Polícia Militar, que chega ao 12° dia de braços cruzados neste sábado (29).

Foram registradas 153 mortes violentas em 25 dias de fevereiro de 2019; em igual período deste ano, a Secretaria da Segurança Pública contabilizou 364 assassinatos. A secretaria informou na quinta-feira (27) que não iria mais divulgar os dados diários de homicídio durante o motim dos policiais. Conforme a pasta, "com o fim do carnaval, há um acúmulo de trabalho no setor de estatística, que deve ser normalizado nos próximos dias".

Em sete dias de motim de policiais militares, o Ceará teve, conforme a secretaria informou nesta sexta-feira (28), 198 homicídios. O número se refere ao período de 19 a 25 de fevereiro. Em média, ocorreram 28 assassinatos por dia - ou um a cada 51 minutos - em todo o estado. A média de homicídios no estado antes do início do motim era 8. A média de 6 casos diários chegou a ser divulgada, mas foi corrigida após a secretaria revisar os dados de janeiro e fevereiro. Os números são superiores aos que haviam sido divulgados anteriormente pela secretaria, que havia contabilizado 170 assassinatos em sete dias. Em nota, o órgão explicou que a soma dos homicídios desde o motim "está maior atualmente do que havia sido divulgado anteriormente, por causa das ocorrências que inicialmente tinham sido registradas como lesão corporal seguida de morte, mas evoluíram para óbito".

A Secretaria da Segurança complementou dizendo que, por razões como esta, "evita divulgar dados parciais".

O motim de policiais militares começou na terça-feira (18), quando homens encapuzados que se identificam como agentes de segurança do Ceará invadiram e ocuparam quarteis. Os policiais militares reivindicam aumento salarial acima do proposto pelo governo.

Nesta sexta-feira (28), os amotinados reduziram o total de reivindicações feitas para por fim aos motins. Se antes eram 18 pontos, agora são três: anistia, reajuste entre patentes e regulamentação da carga horária. Neste sábado (29), a Assembleia Legislativa começa a analisar, em sessão extraordinária, Proposta de Emenda à Constituição (PEC) enviada pelo governador Camilo Santana que proíbe a anistia de policiais amotinados no estado. O 18º Batalhão da Polícia, no Bairro Antônio Bezerra, em Fortaleza, segue ocupado por amotinados.

Análise

De acordo com o sociólogo Luiz Fabio Paiva, do Laboratório de Estudos da Violência (LEV), da Universidade Federal do Ceará (UFC), há "um claro vazio de policiamento". "Obviamente, tem um cenário de oportunidades para todas e as mais diversas práticas de crimes, como ações de milícias, facções, muitos acertos de conta."

Para o pesquisador, a tendência é o crescimento de crimes comuns, como furtos e assaltos e os que ocorrem em decorrência deste, como os latrocínios. O procurador-geral da Justiça do Ceará, Manuel Pinheiro, avalia que a paralisação tem causado "desordem pública, desassossego para o cearense".

Garantia da Lei e da Ordem

O Ceará chegou a registrar 37 homicídios em um único dia, 27 de fevereiro. Com baixo policiamento nas ruas, o Governo Federal autorizou o envio do Exército ao Ceará, numa aplicação da Garantia da Lei e da Ordem (GLO). Com a GLO, as Forças Armadas assumem o policiamento nas ruas. O decreto que garante a atuação do Exército foi autorizado até sexta-feira (28) e prorrogado até 6 de março.

Após o início da Operação Mandacaru, gerenciada pelo Exército Brasileiro, no domingo de carnaval (23), houve redução no número de assassinatos, mas o total ficou ainda acima da média do ano.

Segundo Luiz Fábio Paiva, os soldados "não têm prática de policiamento", dispõem de "armas completamente inapropriadas" para atuação em cidades e os veículos, como caminhões-tanques, "não facilitam nada".

"É uma ação totalmente inadequada e ineficiente. Ela não vem pra coagir o crime – como ela não vai. Ela vem pra criar uma sensação de que algo está sendo feito, evitar situações de uma maior gravidade, as pessoas que fazem o crime conseguem continuar atuando mesmo com esse tipo de presença ostensiva", ressalta o pesquisador.

Em nota, a 10ª Região Militar informou que a Operação Mandacaru "tem contribuído, desde o seu início, para a diminuição dos índices de violência que estavam em escala ascendente, proporcionando, inclusive, a realização de grandes eventos, como a Copa Sul-Americana na última quinta-feira".

"Todos os índices são avaliados diariamente pela Operação para a tomada de providências necessárias e estratégicas. Dessa forma, a Operação reforça seu compromisso de contribuir para o restabelecimento das condições de normalidade no Estado do Ceará", finalizou o Exército.

Sem anistia

A comissão formada por membros dos poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, que tenta chegar a um acordo para encerrar a paralisação da Polícia Militar do Ceará, afirmou na sexta-feira (28) que está descartada a possibilidade de anistiar os policiais militares amotinados.

Membros da comissão afirmaram também que enfrentam um impasse para dar continuidade aos diálogos porque os policiais pedem que o ex-deputado federal cabo Sabino seja o representante da categoria. No entanto, cabo Sabino tem um mandado de prisão em aberto por suspeita de liderar o motim de policiais.

O grupo agora aguarda os policiais definirem um novo interlocutor para voltar à mesa de negociação.

Com informações G1

ACOPIARA: POPULAÇÃO PROMETE FAZER MANIFESTAÇÃO CONTRA CAGECE

Está circulando em grupos de whats app e nas demais redes sociais, a reclamação da população da cidade de Acopiara, quanto à falta de água registrada que perdura há quase um mês e a empresa responsável Cagece não vem à público se explicar. 

Todos são conhecedores dos problemas enfrentados pela empresa Cagece, como a real falta de água nos mananciais que abastecem a cidade, as péssimas condições da adutora emergencial, os inúmeros vazamentos, entre outros problemas. Mas o que mais chateia a população é não saber o que realmente está acontecendo para que na grande maioria da cidade falte água há quase um mês, com um agravante, a conta já vai chegar para os consumidores pagarem.

A Cagece tentou encontrar uma solução para a problemática da conta estar chegando, se na maioria das vezes não houve consumo. Ela elaborou uma planilha de valores para cada metro cúbico de água consumido. Mesmo assim a população se sente prejudicada e principalmente desprestigiada, pois nada é informado.

Algumas vezes a empresa entra em contato com a imprensa local, mas em outras vezes, deixa muito a desejar, pois passa de semanas sem explicar o que realmente anda acontecendo para a falta de água perdurar por tanto tempo.

Até surgiu em redes sociais o informe de uma provável manifestação popular em frente à sede da Cagece na cidade de Acopiara, marcada para o dia 06 de março, onde a concentração popular ocorreria na Câmara de Vereadores por volta das 09 da manhã, indo em seguida para a sede da Cagece.

Vejam aí um print feito em um grupo de whats app, onde circula o chamamento para a manifestação:




Professor mata funcionário da Câmara Municipal de Santa Quitéria a tiros; suspeito está foragido

Um funcionário da Câmara Municipal de Santa Quitéria, no interior do Ceará, foi morto a tiros por um professor, identificado como Francisco Cláudio Facundo Aragão, 41, na madrugada deste sábado (29).

A vítima, Adriano Pinto de Brito, de 36 anos, discutiu com o suspeito e o agrediu fisicamente dentro do estabelecimento comercial. 

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em nota, Adriano foi socorrido por pessoas que estavam no local e levado para uma unidade de saúde do município, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. 

Desde então, o suspeito de cometer o crime está foragido e a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) mantém equipes da Delegacia Municipal de Santa Quitéria em diligências para capturá-lo, informa a SSPDS.

A delegacia continua a apurar as circunstâncias do crime.

DENÚNCIAS

A Secretaria de Segurança alerta que a população pode colaborar com o trabalho policial repassando informações que levem ao paradeiro de Francisco Cláudio. As denúncias podem ser feitas para os números (88) 3628-0190 ou para o (88) 99624-5459, que é o WhatsApp da Delegacia Municipal de Santa Quitéria. O Estado afirma garantir o sigilo e o anonimato.

Com informações Diário do Nordeste

Bruno Henrique é parado em blitz e apresenta CNH de SP; polícia vai analisar se documento é falso

O atacante do Flamengo Bruno Henrique foi parado em uma blitz da Lei Seca na madrugada deste sábado (29) na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Ele apresentou uma carteira de habilitação de São Paulo, que não constava no sistema de informática do Detran do Rio. Uma perícia será realizada para saber se o documento é falso ou se houve um erro no banco de dados.

Segundo o delegado Giniton Lages, titular da 16ª DP (Barra da Tijuca), a investigação está em andamento e, caso seja comprovado a falsidade do documento, ele poderá ser indiciado por uso de documento falso. O crime prevê pena de até 6 anos de reclusão.

O atacante se recusou a realizar o teste do bafômetro, para descobrir se havia traços de álcool no sangue, no momento em que foi abordado na blitz.

Segundo o programa Lei Seca, ele foi multado por dirigir sem habilitação válida e por ter se recusado a fazer o teste do bafômetro. Depois, Bruno Henrique apresentou um condutor habilitado e retirou o veículo da bitz.

Procurado, o Flamengo afirmou ao Globoesporte.com que o caso foi entregue ao vice de futebol do Flamengo, Marcos Braz, que vai se pronunciar após o jogo contra a Cabofriense, às 18h deste sábado, no Maracanã. Bruno Henrique se apresentou normalmente neste sábado no Ninho para dar sequência ao tratamento de uma lesão no joelho.

Com informações G1

Travesti iguatuense é assassinada em Betim, Minas Gerais


Nas primeiras horas da manhã deste sábado(29) a TV Centro Sul e o site Iguatu.net foram procurados por centenas de internautas, que procuravam informações sobre um caso de homicídio que teria como vítima uma travesti iguatuense, conhecida por Alexia Freires.

A reportagem da TV e site entrou em contato com a Polícia Civil de Minas Geris e conseguiu as informações sobre este caso.

Por volta das 21h desta sexta(28) no centro da cidade de Betim, Minas Gerais, uma equipe da Polícia Militar recebeu informações sobre uma travesti que estaria caída ao solo, e perdendo muito sangue.

Os militares ao chegarem no local, perceberam uma grande quantidade de pessoas aglomeradas, em volta da vítima que já estava sendo atendida pelo SAMU.

Alexia foi encaminhada para o Hospital Regional onde chegou sem vida, a mesma sofreu várias perfurações pelo corpo, e no pescoço na artéria carótida.

As buscas pelo autor do crime tiveram início rapidamente, e os militares conseguiram prender o autor, que foi identificado por “Jenifer”, que também é uma travesti, ela foi presa no local do crime.

Segundo os populares, no dia 28 de fevereiro, uma discussão aconteceu entre os envolvidos que eram vizinhas, o motivo, Alexia que morava acima da residência da acusada, jogava ossos para o cachorro que pertencia ao autora do crime, o fato aconteceu por volta das 15h.

E a noite, elas se encontraram no centro de Betim, em Minas Gerais e a tragédia veio acontecer.

A travesti acusada, confirmou para os policiais a autoria do crime, disse que tudo teve início devido a uma discussão banal no período da tarde, confirmou que se desfez da arma do crime durante a fuga.

O corpo de Alexia será transladado para Iguatu na próxima semana. Nas redes sociais, várias mensagens para a vítima demonstram a perplexidade de amigos e familiares com a triste notícia.

Em contato com familiares, Alexia nasceu em Fortaleza, mas desde os dois anos de idade morava em Iguatu que já tinha como sua terra natal.

Coms informações TV Centro Sul e Iguatu.net

INFORMAÇÃO SOBRE CASO SUSPEITO DE CORONAVÍRUS EM ACOPIARA É DESMENTIDO

Desta vez o blogueiro e ex-vereador de Acopiara, muito conhecido por publicar notícias mentirosas e tentar causar terrorismo político contra seus adversários, passou dos limites anunciando um caso suspeito da doença coronavírus no município.

Neste sábado, ele postou em redes sociais que um suposto funcionário da área da saúde de Acopiara, esteve na Itália e lá poderia ter contraído a doença coronavírus.

Todos sabem que este blogueiro e ex-vereador gosta de causar terrorismo em tudo que se refira aos seus opositores políticos, principalmente ao prefeito Antônio Almeida Neto. Desta vez ele passou dos limites, causando pânico na população, com uma notícia infundada.

Mas como sempre, o mesmo é desmentido.

Logo que soube do fato, a secretária de saúde de Acopiara Fábia Almeida, participou de um programa de rádio onde desmentiu a notícia e garantiu que se caso acontecesse do município ter algum caso confirmado da doença, seria a primeira a ir nos meios de comunicação para alertar à população sobre os cuidados que todos devem ter para se prevenir da doença.

Vejam a nota oficial da secretaria de saúde de Acopiara desmentindo o blogueiro da mentira:

Agora vejam a fake news do blogueiro:

  

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020

Homem rouba carro funerário com caixão dentro


Um homem roubou um carro funerário na noite desta quarta-feira no exterior da igreja grega ortodoxa Saint Anthony em Los Angeles, nos Estados Unidos. Segundo a Associated Press, no interior do carro estava o caixão com um corpo dentro.

O ladrão, identificado como James Juarez, aproveitou o momento em que um funcionário da agência funerária transportou outro corpo para a igreja e roubou o carro.

O departamento da polícia de Los Angeles publicou pouco tempo depois um tweet no qual pedia ao ladrão para devolver o corpo. “De todas as más decisões que tomou, pelo menos toma uma boa e devolve o corpo da pessoa que está no carro”, escreveu a autoridade.

Na manhã desta quinta-feira, uma testemunha viu o veículo e alertou a polícia. A força de segurança localizou o carro e começou então uma perseguição pelas ruas de Los Angeles, que terminou numa autoestrada com um acidente que envolveu o veículo funerário e um carro da polícia.

A autoridade norte-americana adiantou que ninguém ficou ferido com gravidade e que o suspeito foi detido.

Com informações Notícias ao Minuto

País tem 182 casos suspeitos do novo coronavírus

O Ministério da Saúde informou nesta sexta-feira (28) que realizará uma campanha publicitária para reduzir o risco de transmissão do novo coronavírus. Segundo a pasta, o foco da ação será nos hábitos de higiene e nas precauções sobre contato físico entre as pessoas.

O custo previsto da ação é de R$ 10 milhões e será veiculado em Internet, rádio e televisão. A campanha já começa a ser veiculada nesta sexta-feira (29).

O ministério informou ainda que existem 182 casos considerados suspeitos de coronavírus no Brasil. Até agora, 71 casos já foram descartados e um caso confirmado em São Paulo.

Os registros de casos suspeitos estão concentrados nos estados de São Paulo (66), Rio Grande do Sul (27), Rio de Janeiro (19), Minas Gerais (17), Santa Catarina (9), Paraná (5), Distrito Federa (5), Goiás (5) e Espírito Santo (2).

O secretário de Vigilância da Saúde do ministério, Wanderson Kleber de Oliveira, disse que a partir da próxima semana a pasta também divulgará os “casos prováveis” para incluir as pessoas que têm contato com casos já confirmados. Segundo Oliveira, nestes casos não será necessária a realização de exames laboratoriais para confirmação da doença, que poderá ser confirmada apenas por critérios clínico-epidemiológico.

Oliveira ressaltou ainda que a melhor estratégia de combate à doença é lavar as mãos e evitar compartilhar objetos pessoais. O secretário destacou ainda que o uso de álcool em gel é uma “boa estratégia”, mas alertou que a população não deve entrar em desespero caso não encontre o produto. “Lavar bem as mãos, as unhas, é suficiente”, disse.

OMS

Dados atualizados da Organização Mundial da Saúde apontam para 82.294 casos de coronavírus pelo mundo, deste total são 1.185 novos casos.

Desde o dia 24 deste mês, 16 países são considerados suspeitos: Austrália, China, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Camboja, Filipinas, Japão, Malásia, Vietnã, Cingapura, Tailândia, Itália, Alemanha, França, Irã e Emirados Árabes.

Insumos

O secretário-executivo do ministério, João Gabbardo dos Reis, afirmou que será divulgado em edição extra do Diário Oficial da União ainda nesta sexta-feira o resultado da licitação para aquisição de 21 insumos hospitalares. Entre eles, estão dois tipos de máscara (cirúrgica e N95) e aventais (P, M e G) precisaram ter a sistemática de compra fracionada.

Segundo Gabbardo, até 20 empresas poderão ser selecionadas para fornecer, pelo menos, 500 mil unidades de máscara. A preocupação da pasta é evitar a escassez de itens de segurança e de prevenção contra o novo coronavírus no Brasil.

Aplicativo

O ministério trabalha ainda na elaboração de um aplicativo para plataformas móveis em que os cidadãos poderão encontrar Unidades de Saúde mais próximas para o atendimento de casos de coronavírus.

Antes de indicar o hospital, o “Coronavírus SUS” fará perguntas para confirmar se realmente há possibilidade de que o paciente esteja com a doença. O público-alvo do aplicativo são as pessoas que estiveram em algum dos 16 países considerados suspeitos.

O aplicativo também fornecerá dicas de prevenção da doença. Sistema semelhante foi lançado pela pasta na Copa do Mundo, realizada no Brasil em 2014, e nos Jogos Olímpicos 2016.

Prêmio de 105 milhões da Mega-Sena será dividido entre 35 apostadores de bolão em Fortaleza


Trinta e cinco apostadores de Fortaleza ficaram milionários na noite desta quinta-feira (27) ao ganhar o prêmio de R$ 105 milhões na Mega-Sena. A aposta foi uma das ganhadoras do concurso 2.237, sorteou mais de R$ 200 milhões. A aposta de Fortaleza dividiu o prêmio total com outro ganhador da cidade de Rio Branco (AC).

O grupo de 35 sortudos fez a aposta no formato bolão na Lotérica Aldeota, localizada na Avenida Dom Luís, no Bairro Aldeota. Cada participante do bolão ficará com R$ 3.023.610,25, totalizando R$ 105.826.358,87.

Segundo o proprietário da lotérica, Alexandro Dantas, o grupo de 35 pessoas apostou em nove números. Cada participante pagou R$ 100, totalizando R$ 3.500.

“Eles participaram de um bolão. Foram 35 pessoas. A aposta custou R$ 100,00 [para cada participante do bolão]. Foram sete jogos de nove números onde dá 70 números que não se repetem”, explica.

Ainda de acordo com o empresário, é a primeira vez que sai uma premiação máxima da Mega-Sena na lotérica. Já tinham registrados ganhadores da quadra e quina. “Tínhamos conhecimento de apostadores que já acertaram a quadra e a quina da mega. E também tivemos um vencedor da Lotofácil”, disse.

A quina teve 263 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 44.509,85. A quadra teve 15.054 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 1.110,86. O próximo concurso (2.238) será no sábado (29). O prêmio é estimado em R$ 3 milhões.

Com informações G1

5ª rodada do Campeonato Cearense 2020 termina neste final de semana

A 5ª rodada do Cearense Ypióca 2020 começou com o jogo entre Ferroviário x FC Atlético no PV, com vitória por 4 a 2 da Águia da Precabura. Neste final de semana, acontece o encerramento da rodada com três partidas.

No sábado (29), o Ceará enfrenta o Guarany (S), às 16h, no estádio Presidente Vargas. O Cacique do Vale é o líder e busca a vitória para manter-se no topo. Se o Alvinegro vencer, assume a ponta da tabela.

No mesmo horário, o Caucaia, oitavo colocado, encara o Pacajus, no João Ronaldo. A Raposa Metropolitana busca sua primeira vitória no certame. O Cacique do Vale do Caju, sexto colocado com três pontos, busca se aproximar dos quatro primeiros.

No domingo (1), o Fortaleza enfrenta a equipe do Barbalha diante da sua torcida no estádio Presidente Vargas, às 16h, e busca se aproximar da liderança. Já a Raposa dos Verdes Canaviais, em sétimo lugar, também com três pontos, tenta a vitória para se aproximar do G-4.

Com informações FCF

Governo prorroga GLO no Ceará por uma semana

O governo federal decidiu prorrogar por mais setes dias a presença dos militares das Forças Armadas no Ceará para reforçar a segurança pública no estado. No último dia 20, o presidente Jair Bolsonaro decretou a operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) pelo período de 20 a 28 de fevereiro.

A extensão desse prazo foi definida hoje (28) em reunião no Palácio do Planalto entre o presidente e os ministros da Casa Civil, Walter Braga Netto; da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro; da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos; do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno; e da Advocacia-Geral da União, André Medonça.

Em nota, o presidente Jair Bolsonaro disse esperar que o impasse entre a Polícia Militar do Ceará e o governo do estado seja resolvido. Ele também voltou a defender a aprovação do projeto de lei que flexibiliza o conceito de excludente de ilicitude para agentes de segurança durante operações desse tipo. 

"O governo federal, por sua vez, autoriza a prorrogação e entende que, no prazo de até o dia 6 de março, a situação deva ser normalizada, prevalecendo o bom senso. O governo federal avalia que se trata de uma negociação do estado, entretanto, continua prestando seus esforços de ajuda à população. Ressalta-se a importância de que o Congresso Nacional reconheça que, o emprego da GLO, dada a necessidade de segurança aos integrantes das forças, muitos deles jovens soldados com cerca de 20 anos de idade, discuta e vote o excludente de ilicitude", publicou.

Na segunda-feira (24), uma comitiva integrada pelos ministros Sergio Moro, Fernando Azevedo e André Mendonça visitou o estado e se reuniu com diversas autoridades locais . Além dos militares, policiais rodoviários federais e a Força Nacional também atuam na segurança ostensiva no estado, a pedido do governo cearense.

As medidas foram adotadas após a paralisação de policiais militares, que estão amotinados em quartéis e batalhões reivindicando melhores condições de trabalho e reajuste salarial. O motim começou no dia 18 e, desde então, ao menos 170 pessoas foram assassinadas no Ceará, entre homicídios dolosos (quando há intenção de matar), feminicídios e latrocínios (furto seguido de morte).

Legalmente, policiais militares são proibidos de fazer greve, motivo pelo qual os protestos da categoria são classificados como motim.

Ontem (27), durante sua live semanal no Facebook , Bolsonaro disse que cabe ao governador do Ceará resolver o impasse com a Polícia Militar do estado e ressaltou que o uso da GLO deve ser apenas emergencial.

Na quarta-feira (26), o Ministério Público do Ceará (MP-CE) sugeriu e foi criada uma comissão para buscar uma solução que ponha fim à paralisação dos policiais. O grupo é formado por integrantes de cada um dos três poderes do estado, com a participação do MP-CE e acompanhamento do Exército Brasileiro.

Com informações Agência Brasil