segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

CLÁSSICO-REI: Policial é ferido por estilhaços de bomba durante escolta de torcida

Um sargento do Comando Tático Motorizado (Cotam) da Polícia Militar ficou ferido por estilhaços de uma bomba artesanal durante uma escolta à uma torcida organizada do Fortaleza Esporte Clube, próximo ao terminal de ônibus do Antônio Bezerra, na tarde deste domingo (22), horas antes do clássico Fortaleza x Ceará, pelo Campeonato Cearense.
Segundo o comandante de policiamento da Capital, coronel Francisco Souto, os policiais militares realizavam a escolta dos torcedores quando foram surpreendidos com o arremesso de uma bomba artesanal conhecida popularmente como "cabeça de nego", que partiu de um torcedor não identificado.
O artefato bateu em um muro e os estilhaços que compõem a bomba atingiram o braço do sargento. O militar teve uma luxação no braço, foi atendido na hora e voltou a trabalhar, de acordo com o coronel Souto.
Pré-jogo foi tranquilo, avalia comandante
Para o comandante de policiamento da Capital, o momento de pré-jogo, quando os torcedores se deslocaram para a Arena Castelão horas antes da partida, foi tranquilo. Segundo ele, o maior incidente acometeu o sargento do Cotam, no bairro Antônio Bezerra.
Foram registradas confusões em alguns momentos do deslocamento dos torcedores, em pontos como a Avenida Silas Munguba, em frente à Universidade Estadual do Ceará (Uece), e os terminais de ônibus da Lagoa e do Antônio Bezerra.
Fonte: Diário do Nordeste