domingo, 24 de setembro de 2017

Idoso que desapareceu após assalto é encontrado morto em rio

O idoso de 66 anos, que estava desaparecido desde o dia 15 de setembro após ter a casa assaltada em Pilar do Sul (SP), foi encontrado morto no rio Assungui, em Juquiá (SP), nesta sexta-feira (22). Três homens foram presos e confessaram que mataram a vítima Henrique Lipka Neto com uma barra de ferro.

Segundo o delegado Milton Andreoli, os bombeiros encontraram o corpo amarrado e amordaçado com arame. A Polícia Civil foi acionada e corpo, encaminhado para Pilar do Sul, onde foi reconhecido por familiares e enterrado na noite de sexta-feira (22).

Ainda segundo o delegado, o caso estava sendo investigado como desaparecimento e furto. Com o encontro do idoso, os três suspeitos responderão por latrocínio.

Entenda o caso

O idoso era caseiro de uma chácara no bairro Reunias e desapareceu depois que criminosos invadiram sua casa e roubaram diversos materiais e um veículo.

Segundo a Polícia Militar, o veículo roubado foi encontrado no domingo (17) abandonado em uma plantação de eucaliptos no bairro Usina Batista, zona rural da cidade, sem alguns equipamentos e a bateria e, com o interior parcialmente incendiado.

Ainda segundo a polícia, três homens foram localizados durante uma patrulha na estrada vicinal José Waldemar Mazzer, no bairro Ribeirão. Eles estavam em um carro em atitude suspeita.

Com eles, os policiais encontraram uma espingarda de pressão, um simulacro de pistola, uma roçadeira, um conjunto de tapete veicular e a bateria de um veículo, semelhante ao do carro roubado.

Questionados, eles confessaram ter envolvimento no crime. Eles foram presos e estão à disposição da Justiça.

Fonte: G1