sexta-feira, 28 de julho de 2017

Garoto de 15 anos dá detalhes de como matou motorista do Uber utilizando espingarda

Uma ação integrada por parte da força de segurança pública do Ceará resultou na apreensão de dois garotos de 13 e 15 anos.
Segundo a polícia, eles participaram do crime que vitimou o motorista do aplicativo Uber Guilherme Maia. Fato que aconteceu no início dessa semana no bairro Ancuri, próximo ao residencial Alameda Palmeiras.
A polícia chegou aos jovens por meio de informações anônimas. Um dos garotos, o de 13 anos, não tem passagem pela polícia e foi o responsável, segundo as autoridades, por jogar a pedra que quebrou o vidro do carro da vítima.
O de 15 anos já tem passagem pela Delegacia da Criança e do Adolescente por roubo e tráfico de drogas. Segundo as autoridades, foi ele quem atirou em Guilherme utilizando uma espingarda calibre 12.
Após a apreensão, os jovens confessaram que observaram a presença do carro parado durante muito tempo no local, com o motor ligado, as luzes apagadas e já imaginaram que seria alguém do grupo criminoso rival, que estaria ali para tentar contra a vida deles.
O menino de 13 anos teria jogado uma pedra no veículo para conferir se haveria alguma reação, como a saída de alguém do interior do veículo, mas nada ocorreu. Em seguida, o jovem de 15 anos efetuou o disparo em direção ao banco do motorista e atingiu o motorista do Uber.
Fonte: Tribuna do Ceará.