sexta-feira, 14 de julho de 2017

Ambientalistas de Choró são atacados por abelhas durante curso de capacitação

Alguns ambientalistas de um grupo de servidores de Choró foram atacados por abelhas italianas durante a realização de uma aula de campo realizada pela Coordenadoria de Educação Ambiental (COEAS) da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA) nos dias 12 e 13 de julho neste município do Sertão Central. O ataque ocorreu na localidade de Riacho do Meio, no distrito de Caiçarinha.
Ainda de acordo com um servidor do Município o grupo de 35 pessoas, dentre professores, membros de associações comunitárias e outros ligados ao meio ambiente, foram divididos em dois grupos e quando caminhavam pela mata, um deles passou debaixo de um juazeiro e foi surpreendido por um enxame.
Oito pessoas foram picadas. Três foram socorridas ao Hospital Municipal Padre José Bezerra Filho. Duas delas são alérgicas as toxinas liberadas pelos insetos através dos ferrões. Uma terceira recebeu o maior número de picadas, aproximadamente 80. Após receberem medicamento antialérgico tiveram alta.
Apesar do incidente o curso foi concluído. O tema da capacitação foi “Educação Ambiental para a Qualidade da Água”. Outra pauta apresentada foi o lixo no meio ambiente. O Município tem um modelo que mesmo com estiagem mantém a água barrada no subsolo. A experiência da barragem subterrânea funciona exatamente na localidade de Riacho do Meio, a 16Km do Centro de Choró.
Fonte: Diário do Nordeste