sábado, 8 de abril de 2017

Os quatro concursos mais aguardados do ano

Cresce a expectativa para que saiam do papel os concursos previstos para 2017. Apesar das incertezas econômicas para o País, os economistas esperam que este ano a economia atinja índices melhores que os do ano passado. E, com isso, aumenta a probabilidade para que as novas seleções sejam liberadas, já que a defasagem de pessoal é grande.
As oportunidades aguardadas para este ano contemplam diversos níveis escolares com salários que chegam a R$ 22.102,37.
Correios
Anunciado em 2012, o concurso dos Correios ainda é um dos mais aguardados pelos brasileiros. Ano após ano a "novela" continua, porém o seu programa de demissão voluntária atual deve abrir as portas para a futura seleção. Em 2015, o órgão estava com tudo pronto para lançar um edital com 2.000 vagas para carteiro e operador de triagem e transbordo, só que pouco tempo antes disso acontecer, por conta da crise financeira, foi determinado que a empresa não ampliasse o seu quadro de pessoal.
No ano passado, a assessoria de imprensa divulgou que seriam abertas 2.000 vagas efetivas, além de cadastro reserva, em 11 Estados mais o DF, com oportunidades para Carteiro e Operador de Triagem e Transbordo (OTT).
PF
Cresce a expectativa pela realização do novo concurso público da Polícia Federal (PF). O órgão depende apenas de um parecer por parte do Ministério do Planejamento de que dispõe de verbas para que possa dar início ao processo seletivo. Já está confirmado que a oferta será de 1.758 postos, sendo 600 para o de escrivão, 600 para agente, 491 para delegado e 67 para peritos.
Para concorrer aos cargos de agente e escrivão basta possuir curso de nível superior em qualquer área. O salário inicial é de R$ 11.897,86. Para perito, é requisito nível superior em cursos específicos e, para delegado, superior em Direito, com pelo menos três anos de atividade comprovados. Os iniciais são de R$ 22.102,37. Para todos os cargos, os aprovados também deverão possuir carteira de habilitação.
PRF
Com a posse do novo ministro da Justiça Osmar Serraglio, cresce a expectativa pela autorização do novo concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A solicitação do certame depende da definição do novo ministro, uma vez que a Pasta tem até 31 de maio para reencaminhar o pedido para o MPOG. O pedido conta com uma oferta de 1.300 vagas para a carreira policial rodoviário, que exige nível superior em qualquer área de formação, além de carteira de habilitação. A remuneração passou a ser de R$ 9.491,98, já com o adicional.
Receita Federal
O processo seletivo também está previsto no Orçamento Federal. Agora, o próximo passo consiste na liberação do aval por parte do Ministério do Planejamento.
Consta no documento que o novo concurso abrirá 400 vagas. As ofertas serão para os cargos de assistente-técnico administrativo, analista administrativo, auditor-fiscal e analista-tributário, mas não foi indicada a quantidade de vagas por carreira.
Para concorrer a assistente é exigido nível médio. A remuneração corresponde a R$ 3.756,82, incluso o vale-alimentação. Os postos de analista e auditor se destinarão a profissionais com nível superior em diversas áreas. Os salários do analista administrativo equivalem a R$ 4.969,02, analista tributário de R$ 11.132,21 e para auditor fiscal, R$ 19.669,01.
Fonte: Diário do Nordeste