sexta-feira, 24 de março de 2017

Polícia descobre que criança de 7 anos foi assassinada a pedido da mãe

Uma reviravolta no caso do menino Carlinhos que tinha sete anos quando foi assassinado em Camaçari, na Bahia. A polícia prendeu o assassino, José Nilton. Na delegacia ele confessou o crime, mas afirmou que o mandante do crime foi a própria mãe de Carlinhos, Alessandra. José Nilton contou que a mãe da criança e o padrasto eram traficantes de droga, e planejavam roubar um banco. O menino teria ouvido a conversa. Para não correr riscos, a mãe contratou os serviços de José Nilton para acabar com a vida do próprio filho de sete anos. Como pagamento, Alessandra prometeu passar uma 'noite' com o assassino.

Fonte: R7