sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Prefeito de Quixadá anula concurso público; MPCE recorre à Justiça

O prefeito de Quixadá, Ilário Marques, cancelou nesta quinta-feira (2) o concurso público que havia sido realizado pela gestão anterior, do ex-prefeito João Hudson. O concurso já havia sido concluído, e os aprovados reivindicam a nomeação. O decreto do prefeito que anula o exame ocorre um dia após o Ministério Público do Estado do Ceará pedir na Justiça que o Ilário Marques convoque os aprovados.
De acordo com Ilário Marques, o concurso realizado pelo antecessor "não leva em consideração" o impacto financeiro nos gastos com pessoal". Em vez de convocar os aprovados, o prefeito realizou uma seleção pública simplificada.
Na ação do Ministério Público que pede a conclusão do concurso, os promotores de Justiça também requerem multa a Ilário Marques superior a R$ 5 mil em caso de descumprimento.
O Ministério Público sustenta que o processo seletivo simplificado realizado por Marques "configura burla ao concurso público realizado em 2016" e, inclusive, evidencia a necessidade de todas as vagas de professor ofertadas no edital deste certame, "uma vez que a seleção pública simplificada lançada pelo município em 2017 prevê a contratação temporária de 172 professores, enquanto há 170 professores aprovados no concurso público de 2016".
Fonte: G1