sábado, 10 de junho de 2017

Assessora de deputado é morta

Uma mulher de 29 anos, identificada como Sandra Rafaela Jeferson Bastos, foi assassinada, nessa sexta-feira (9), na Avenida Mozart Pinheiro de Lucena, bairro Vila Velha, Fortaleza. Ela trabalhava há cerca de oito anos como assessora parlamentar no gabinete do deputado estadual Roberto Mesquita (PV).
Segundo informações do 10ºDP (Antônio Bezerra), a vítima estava a caminho da academia e parou no trajeto para comprar ração, em um comércio. Quando desembarcou do Toyota Corolla, de cor prata, placas OIL-8517, que dirigia, foi abordada por dois homens que estavam numa moto vermelha.
Um dos suspeitos desceu da moto e disparou contra a vítima. A mulher morreu no local.

Uma idosa de 75 anos, que morava nas proximidades e estava na calçada do estabelecimento comercial, foi atingida por um tiro na perna. Familiares da aposentada levaram a mulher para um hospital.
De acordo com informações de policiais que atenderam a ocorrência, mas não quiseram se identificar, o marido e o pai de Rafaela Bastos foram assassinados recentemente. Conforme um militar, ela era companheira de José Bergson da Silva Correia, suspeito de ter envolvimento com o tráfico de drogas.
Já o pai da vítima, seria agiota e foi morto há cerca de três meses. A Polícia investiga se ela também tinha envolvimento com crimes e se estava sofrendo alguma ameaça de morte.
Por conta das execuções dos familiares, Rafaela havia se mudado do bairro Vila Velha, mas continuava visitando parentes e estabelecimentos, que costumava frequentar no bairro Vila Velha. Os investigadores da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e do 10ºDP, fizeram os primeiros levantamentos na cena do crime.
A PM salientou que nas proximidades havia câmeras de segurança em alguns prédios e que os equipamentos podem ter flagrado detalhes que ajudem na identificação dos atiradores.Roberto Mesquita lamentou o crime contra sua assessora. "Ela era uma pessoa maravilhosa. Trabalhava comigo desde que eu era vereador. Infelizmente é mais uma vítima da violência em Fortaleza", disse.