quinta-feira, 23 de março de 2017

Geólogos tentam entender fenômeno que jorra água e vapor quentes no CE

Uma fonte de água fervente na Serra de Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza, chamou atenção dos moradores e autoridades. A causa do fenômeno ainda é desconhecida, mas já ficou conhecido nas redes sociais como o "minivulcão de Maranguape". Uma equipe de geólogos vai estudar o caso nesta quinta-feira (23).
De acordo com Sílvio Nunes, coordenador da Defesa Civil em Maranguape, foi constatada a existência de uma fonte jorrando água com temperatura elevada, fumaça e "odor alterado". Ainda não há informações se a água e fumaça exaladas são nocivas ou inócuas.
No vídeo que viralizou nas redes sociais, as pessoas especulam que o calor da vapor "é suficiente para cozinhar o ovo". 

Na tarde desta quinta, geólogos da Universidade Federal do Ceará vão visitar a região, em um sítio da Fundação Mata Atlântica, uma área de proteção ambiental, para identificar o fenômeno.

"Por enquanto, é difícil até especular do que se trata, porque apenas vimos alguns vídeos do caso. Se é um fenômeno natural ou antrópico [causados por intervenções humanas], só saberemos depois das análises no local", explica o professor de geologia Afonso Almeida, que fará parte da expedição de análise do "minivulcão".

Fonte: G1