segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

CLÁSSICO ENTRE FORTALEZA E FERROVIÁRIO TERMINA EMPATADO

De volta à Arena Castelão após três anos, o chamado Clássico das Cores, entre Ferroviário e Fortaleza, agradou a quem foi ao estádio e que se deteve no espetáculo em si. Os dois times fizeram uma boa partida, movimentada, de muita disputa de bola e que colocou frente a frente duas propostas diferentes: a do Ferroviário, de se defender e buscar o contra-golpe, e a do Leão do Pici, de propor o jogo.
O Ferrão mostrou-se um time aplicado e eficiente no seu modelo de jogo, ao passo que o Tricolor do Pici não se houve bem no papel de ser o time a tomar a iniciativa. Por sinal, se a primeira impressão é a que fica, a deixada pelo time orientado pelo técnico Hemerson Maria não foi das melhores. Resultado: um empate em 2x2 com o Ferroviário tendo até a bola do jogo, a que poderia lhe ter dado a vitória, mas que foi desperdiçada pelo atacante Maxuell, cabeceando por cima da trave.
O Fortaleza terá a chance de melhorar essa imagem arranhada frente à sua torcida na próxima quarta-feira, às 21 horas, na Arena Castelão, contra o Guarani/J, no jogo da Taça dos Campeões Cearenses, que também faz parte da segunda rodada. Já os corais vão a Sobral, onde enfrentam o Guarany, às 20h20 da mesma quarta-feira.